Talento a flor da pele

Eu acredito piamente que antes mesmo de aprender a andar ou a falar eu já escutava seu nome e as referências elogiosas a seu respeito. Sua fama o precedia naquele que foi seu momento de brilho mais intenso. Num tempo em que a comunicação não tinha nem de longe a facilidade de hoje, quando não existia internet e nem redes sociais, quando os meios de comunicação eram as cartas, os recados, jornal, revista, o telefone fixo, o rádio, a televisão e o rádio amador, ele se impôs pelo talento nunca visto e que dificilmente se verá. Ele encheu o mundo de beleza e inspirou gerações.

Screenshot_20170826-001641

Por incontáveis vezes eu busquei saber sobre ele. Li e assisti tudo o quanto me chegou às mãos. Sabia detalhes de como viveu e vivia. Suas angústias e seus amores. Seu trabalho depois que deixou a atribuição que lhe consagrou. Seu lazer e sua paixão pela música. Seus filmes e suas canções.

Alguém, certo dia, disse ser ele de outro planeta, ou, se fosse deste, não seria outra coisa senão uma força da natureza, algo sem explicação. Sua força incomum, explosão física inalcançável, inteligência ímpar e deslocamento sem igual talvez pudesse explicar seu sucesso, mas nunca sua existência.

Filho de família pobre, aprendeu desde cedo a importância de se dedicar, com todas as forças, ao que fazia. Nunca mediu esforços para chegar ao ápice e o máximo que se permitiu de descanso foi um breve repouso antes do início do trabalho. Talvez por isso, certos de que revigoradas as forças para mais um momento espetacular, ninguém ousava perturbar-lhe a paz. Afinal, o momento seguinte seria de glória extrema.

Screenshot_20170826-001729

Em que pese fosse sempre o centro das atenções em uma constelação de estrelas, nunca foi egocêntrico e nem tampouco individualista. Nem mesmo no momento singular que viveu e que foi aguardado ansiosamente por todo o mundo, deixou de pensar no próximo. Lançou seu olhos para o futuro e talvez por nem nesse momento pensar em si foi criticado pelos idiotas de plantão.

Depois de ter estado triste o dia inteiro, em virtude de uma série de adversidades e alguns insucessos que espero sejam momentâneos, tive a grata satisfação de receber no aplicativo Whatsapp uma pequena parte do seu legado. Só então voltei a sorrir.

Fiquei sozinho, pensando, como é fantástica a obra de Deus. Ele fez de um menino comum, brasileiro, um ser único no mundo. Ele foi um escolhido. Um ser de luz. Um predestinado a demonstrar que é possível fazer o que para muitos é verdadeiramente impossível.

Screenshot_20170826-001431

Num mundo de competição extrema, em que tantos já brilharam com intensidade real, nem Garrincha, nem Didi, nem Zito, nem Canhoteiro, nem Puscas, nem Di Stefano, nem Evaristo, nem Platini, nem Zico, nem Maradona, nem Rivelino, nem Gerson, nem Tostão, nem Rivaldo, nem Romário, nem Kaká, nem Cristiano Ronaldo, nem Ronaldinho, nem Ronaldo Fenômeno, nem Neymar, nem Messi, nem ninguém.

Simplesmente nunca existiu nem existirá alguém tão bom quanto Pelé. Sinônimo de excelência no que fez, ele foi inspiração, talento a flor da pele, da pele negra de Pelé. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s